Garfield Da Vida Real Com 15 Quilos Passa Por Dieta Restrita

Mike Wilson e Megan Hanneman tiveram dificuldade em levar o terceiro gato que adoptaram para casa. Não porque ele não quisesse viver com o casal norte-americano, mas porque Bronson, “o gigante gentil”, pesava 15 quilogramas. O que é bastante, tendo em conta que o peso médio para um gato doméstico adulto situa-se entre os 3,5 e os 4,5 quilos.

Aquando da visita ao abrigo de animais, 2 meses antes, o objectivo era encontrar um terceiro gato para testar a mobília que Mike e Megan constroem e vendem, de forma a promover a actividade física em gatos domésticos, mas o plano inicial foi alterado quando conheceram Bronson. Mesmo sabendo que o gato não conseguiria escalar (para já) as tábuas na parede, decidiram que o iam acolher e ajudá-lo a perder 500 gramas por mês.

Segundo os responsáveis pelo abrigo, seus donos faleceram há um ano. Não há muitas informações sobre os antigos donos dele, mas suspeita-se que eram idosos e provavelmente davam restos de comida ao animal.

Tal como nos humanos, a obesidade em cães a gatos tem vindo a aumentar, culpa dos hábitos sedentários e da mudança na dieta, onde são incluídas “rações calóricas e altamente saborosas”, explica Joana Prata, médica veterinária, num artigo publicado no Pet sobre “o transtorno nutricional mais comum nos animais de companhia”, que “afecta 40% dos gatos”. E tal como fizeram os donos de Bronson, só há uma solução para o problema: mudar o estilo de vida dos animais de companhia.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO