VIDEO: Gata Sobrevive 40 Dias Trancada Num Apartamento Após Donos Ficarem Em Quarentena No Hospital

Le Le, uma gata grávida de Wuhan, na China, tornou-se um símbolo de resistência durante a atual pandemia, mostrando aos humanos que se ela conseguiu sobreviver sozinha num apartamento trancado por 40 dias, então também nós podemos lidar com um pouco de distanciamento social e isolamento.

A história de resistência e sobrevivência felina começou em janeiro de 2020, quando a pandemia em Wuhan ainda estava a começar.

Uma a uma, a família humana de Le Le teve que ser hospitalizada após ser infetada, e antes do ano novo chinês (25 de janeiro), a gata grávida ficou sozinha em casa. Os donos decidiram não contratar alguém para cuidar dela ou até mesmo fazer check-in de vez em quando, porque não sabiam se a casa estava contaminada ou não. Então abriram um saco de ração e esperaram que acontecesse o melhor.

“Eu mesmo tive que encontrar uma solução”, disse o dono da gata, acrescentando que, antes de ir ao hospital para a análise, fez uma cama com almofadas para Le Le, caso ele não voltasse e abriu um saco de 8 kg de ração, deixando todas as portas, assim como a varanda, abertas para que ela pudesse se mover, depois saiu e trancou a gata dentro do apartamento.

“Eu mantenho tartarugas e flores na varanda, e há água filtrada lá para ela beber”, acrescentou o homem. “Ela também sabia como usar a caixa de areia.”

Durante os 40 dias que os donos de Le Le ficaram hospitalizados e impedidos de voltar para casa, ninguém sabia nada sobre a felina, o que ela estava a fazer, ou se ela ainda estava viva. Mas quando voltaram e viram Le Le e os seus 4 filhotes sãos e salvos, a correr pelo apartamento, ficaram muito felizes.

Segundo relatos, Le Le perdeu cerca de metade do seu peso normal, mas ela e os gatinhos estavam em perfeita saúde. As únicas baixas foram os peixes de estimação da família, que acabaram por ser comidos por Le Le e a sua ninhada.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO