VIDEO: Implantou Duas “Conchas” No Crânio Para Experimentar Novos Sentidos

Manel De Aguas é um jovem catalão de 24 anos que há três anos se vê como uma espécie transformada. O que é isso? “Não me considero 100% humano. A minha pessoa não coincide com o conceito biológico que se conhece”, explica.

Manel implantou no crânio duas “conchas” conectadas a um microchip que lhe permite perceber, entre a pele e o osso, vibrações sonoras, humidade, pressão e temperatura.

Ele mesmo os projetou. São “conchas” de silicone e pesam cerca de 500 gramas. Para realizar o implante dérmico, Manel teve que viajar para o Japão. “Eu tenho uma área de pele dorida. E tiro as minhas “conchas” para dormir e tomar banho. Estou acostumado a que as pessoas me olhem na rua, mas a verdade é que isso não me atinge”, explica.

“Até hoje o ser humano vive como uma bolha antropocêntrica, vendo a natureza numa escada hierárquica vertical em que o ser humano está acima das demais espécies, e para mim este projeto também significa romper com isso”, destaca Manel.

Já segue a FunCo no Instagram?

DEIXE O SEU COMENTÁRIO