O Momento Em Que Uma Criança Implora Ao Seu Ídolo Para Não Sair Do Clube

No passado fim de semana, o espanhol Juanmi Callejón realizou o último jogo ao serviço do Club Bolívar, da Bolívia. O jogador de 32 anos, irmão de José Callejón do Nápoles, vai regressar à Europa para jogar em Espanha.

Durante as últimas 3 épocas, Callejón tornou-se um verdadeiro ídolo do clube ao marcar 58 golos em 94 partidas, ajudando à conquista de um campeonato.

Após o último jogo, com a camisola do Club Bolívar, o extremo foi surpreendido por uma criança no túnel de acesso aos balneários. O jovem adepto agarrou-se às pernas de Callejón a implorar para que este não deixasse o clube.

Uma situação que deixou o jogador em lágrimas.