Alguns Cervos Do Parque Nara Estão Desnutridos Pela Falta De Turistas

Os famosos cervos do parque de Nara, no Japão, têm saudades dos turistas. Alguns abandonaram o parque em busca de um estilo de vida mais saudável, mas outros perambulam por suas ruas visivelmente desnutridos.

São viciados nas senbeis (bolachas de arroz) que os turistas costumavam comprar para alimentá-los. Umas 13 milhões de pessoas visitavam o parque de Nara antes da pandemia. Estes visitantes compravam cerca de 20 milhões de bolachas por ano para dar aos cervos.

Há cerca de 1.300 cervos no parque, mas 400 vivem no santuário de Rokuen, isolados das “ofertas” dos turistas, motivo pelo qual 900 consumiam a maior parte das bolachas. 20 milhões de bolachas, entre 900 cervos, durante 365 dias do ano dá… 60 bolachas de arroz por cervo ao dia.

Como resultado da pandemia, as vendas de bolachas para os veados caiu, e a vida dos animais mudou. Uma das mudanças mais notáveis é que já não há tantos cervos à vista. Em janeiro, 71,9% dos animais estava perseguindo os turistas no centro do parque; em junho, só 50,2% seguia por ali; e de noite, o número passou do 56,5 a 34,9%.

Segundo The Sankei News, muitos veados afastaram-se do centro do parque em busca de erva como alimento principal, o que de fato melhorou seu estado de saúde. Mas outros, viciados nas bolachinhas de arroz, permanecem na zona turística incapazes de se alimentar por si mesmos.

Vários animais foram fotografados com as costelas marcadas, perambulando em busca de turistas em vez de comer erva. Têm comida de sobra crescendo no parque, mas estão tão acostumados a comer da mão das pessoas que não se adaptaram às mudanças que chegaram com a pandemia.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO