VIDEO: António Costa “Apupado” Nas Redes Sociais Após “Disparate” Sobre Antibióticos

O primeiro-ministro António Costa foi o convidado especial do programa deste domingo de Ricardo Araújo Pereira, “Isto é gozar com quem trabalha”, transmitido pela SIC.

Apesar de este ser um programa humorístico, os telespetadores não perdoaram que António Costa, ao fazer um paralelismo entre a injeção no BES e a vacina para a Covid-19, cometesse uma gaffe.

“A vacina é para ficarmos imunes aos vírus, os antibióticos são para combater os vírus”, disse o governante, gerando centenas de críticas nas redes sociais, devido ao facto de os vírus não serem ‘tratados’ com antibióticos, mas antes as bactérias.

Entre os “apupos” nas redes sociais destaca-se o do Iniciativa Liberal.

 

“Tantas reuniões no Infarmed com técnicos e especialistas e o primeiro-ministro António Costa diz o disparate de que os antibióticos servem para combater o vírus. Assim se percebe melhor por que motivo se irrita com dados científicos. Sem ciência não será fácil combater a pandemia”, lê-se na página de Facebook do partido.

Mas é no Twitter que o primeiro-ministro mais foi criticado. São centenas os tweets a atacar António Costa devido a este “erro crasso”.

O nutricionista Luís Soares da Costa, por exemplo, questiona se os políticos não têm assessores da área da saúde que possam ajudar a evitar este tipo de erros. “Os políticos não têm assessores da área da saúde de verdade? A próxima grande epidemia será a resistência aos antibióticos. Que alguma Ordem da área da saúde desminta aquele que nos governa. Antibiótico não ‘mata’ vírus António Costa”, lê-se no tweet do médico de Guimarães.

 

Já vários humoristas compararam António Costa a Donald Trump e relembraram o “puxão de orelhas” do primeiro-ministro à ministra da Saúde, Marta Temido.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO