Doente Espera Mais De Quatro Horas Dentro De Ambulância Em Coimbra

O país vive dias difíceis devido ao agravamento da pandemia que tem colocado os hospitais, de Norte a Sul, sob pressão. As filas de ambulâncias à entrada das urgências têm refletido a situação complicada no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Um vídeo, captado à entrada das urgências do hospital dos Covões, em Coimbra, mostra um bombeiro de Miranda do Corvo a dar o jantar a uma doente que, segundo a SIC Notícias, esperou mais de quatro horas para dar entrada naquela unidade hospitalar.

A Ordem dos Médicos e o gabinete de crise para a Covid-19 alertaram que a linha vermelha já foi ultrapassada há muito tempo, avisando que os profissionais de saúde estão sujeitos a escolhas “complexas e difíceis”.

Já segue a FunCo no Instagram?