Dona Denuncia Morte Da Sua Cadela Em Porão De Avião Da TAP

Há pouco mais de uma semana, uma cadela morreu no porão de um avião da TAP após um voo de 7 horas.

Segundo a dona, que denunciou a situação nas redes sociais, em causa está a falta de “cuidados e respeito” da companhia aérea pelos animais. “Faz hoje três dias que a Estrela partiu. Três dias em que a viagem dela no porão de um avião TAP Air Portugal foi o seu fim”, lê-se na publicação de Flaviany Godim no Facebook.

De acordo com a mulher, a TAP limitou-se a informar que o animal tinha morrido durante a viagem. “Disseram-me que tinha morrido durante a viagem e nada mais por parte desta companhia que todos os dias transporta os nossos animais de estimação. Peço aos meus amigos e familiares para partilhar a minha publicação pela Estrela e por todos, pelos nossos fiéis amigos patudos. A TAP Air Portugal é uma empresa que não tem cuidados e nem respeito pelos seus patudos e muito menos por nós passageiros, pois nada justifica o que fizeram com a minha filha de quatro patas”, escreveu a cidadã brasileira.

Nas imagens, partilhadas pela dona do animal, é possível ver a mulher a tentar reanimar a cadela, mas sem sucesso. Estrela, uma cocker spanier, morreu num porão de um avião da TAP a 5 de janeiro.

 
Já não é a primeira vez que uma situação semelhante acontece. Em junho do ano passado, um cão de raça buldogue morreu a bordo de um avião da TAP. O dono, à semelhança de Flaviany, denunciou o caso nas redes sociais.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO