Eis o Visitante Que Comeu a Banana De 108 Mil Euros e Que Agora Pode Ser Processado

Foi notícia nos quatro cantos do mundo, tornou-se na banana mais cara de sempre e foi comida. Sim, parece um desastre. Mas não é.

A polémica instalação de arte presente na 18.ª edição da Art Basel Miami Beach, na Califórnia, sofreu este sábado um revés ao ser “destruída” por um visitante, o artista performativo nova-iorquino David Datuna.

Datuna removeu a fita adesiva que colava a banana à parede da galeria e comeu-a em frente a dezenas de visitantes, que filmaram o momento.

Recorde-se que se trata da instalação da autoria do artista italiano Maurizio Cattelan que na semana passada foi vendida a um colecionador privado, em Paris, por 120 mil dólares (108 mil euros).

Datuna foi retirado do local por seguranças e levado para um local resguardado, onde foi questionado pela polícia. O artista foi libertado mas poderá vir a ser alvo de um processo por destruição de propriedade privada.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO