O Resgate De Uma Mulher Em Moçambique Feito Por Um Fuzileiro Português

O ciclone Idai afetou o Zimbabué, o Malawi e Moçambique provocando, até ao momento, um total de 761 mortos no conjunto dos três países.

No terreno estão já várias organizações humanitárias, bem como militares portugueses destacados para levar a cabo missões de resgate aos sobreviventes que se encontram a viver sem condições e a correr o risco de contrair cólera.

As imagens da Marinha Portuguesa mostram o momento em que um fuzileiro português, que integra a Força de Reação Imediata, resgata uma mulher de uma zona completamente alagada na Beira, em Moçambique.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO