Salto Para a Eternidade: As Imagens Da Prata Histórica De Patrícia Mamona

Apenas três dias após Jorge Fonseca “abrir as hostilidades” no que à conquista de medalhas portugueses nos Jogos Olímpicos diz respeito, ao levar o bronze no judo, este domingo, foi a vez de Patrícia Mamona assegurar a prata no triplo salto.

A atleta do Sporting bateu o recorde nacional (que pertencia à própria) por duas vezes, e, à segunda, na qual saltou 15,01 metros, acabou mesmo por selar a marca que lhe valeu o segundo lugar.

O ouro foi parar às mãos da venezuelana Yulimar Rojas, que fixou um novo recorde do mundo ao saltar 15,67 metros. Já o bronze, pertenceu à espanhola Ana Peleteiro, que, com uma marca de 14,87 metros, bateu, também ela, o recorde nacional.

Já segue a FunCo no Instagram?